"And now for something completely different..."

quinta-feira, 21 de julho de 2011

A Moment of Peace After the Thunderstorm...

Olá a todos! Como vão de férias? Como devem ter reparado (or not) eu fiquei meio ausente do meu blogzinho aqui... A real é que eu posso ter mascarado muito bem (pelo menos a maior parte do tempo), mas estive muito deprimido nos últimos meses.

Mas finalmente posso dizer que, pelo menos por um dia, eu realmente me senti completamente curado... Não sei como será amanhã, ou depois... Mas só de ter lembrado a sensação de ter meu coração leve como o vento novamente, sem nenhum peso como uma âncora por trás de cada sorriso meu, foi maravilhoso.

TRILHA SONORA, DJ!!!

You were only waiting for this moment to be free!

Esse vai ser um post meio confuso, já que eu quero desabafar muita coisa boa mas ao mesmo tempo não quero revelar nada demais. @_@ Já os deixo avisados.

O lance começou com um esquema aí meio súbito, com uma pessoa que eu não esperaria, mas foi só isso. Estamos conversados e sabemos bem o quê foi e não será. Longe de dizer que foi algo ruim, foi na verdade muito bom, mas por algum motivo, depois... Me senti mais deprimido do quê nunca, sentindo ainda mais falta de algo que já passou há muito tempo.

E o pior que me senti ainda mais hopeless, porque pensei "Porra! Se até com isso eu não me sinto melhor, e até piorei, nada mais poderá me fazer sentir bem, nunca!"
Então foi nesse 'climão manero' que eu fui no primeiro dia de aula do CFC (Curso de Formação de Condutores), tudo normal demais e talz... Tirando que um antigo colega aqui do condomínio em que eu moro caiu na mesma sala que eu. Trocamos uma idéia no intervalo e beleza, voltei pra sala, troquei idéia com um pessoal aleatório da frente... Começou a ficar legal, e então... Ficou bem legal.

Sabe quando você pensa "Nossa, adoraria ter a oportunidade de conversar com essa pessoa, ela é bem diferente..." (e, numa sala aonde todas as garotas são do tipo "jaqueta com capuz de pelo e maquiagem", diferente é MUITO bom), e, então, essa oportunidade lhe é jogada no colo e você pula e a toma no último segundo?

Já falei demais, mas enfim... Era meio dia e eu estava tão avoado que voltei pra casa a pé pelo caminho mais longo, sem conseguir parar de sorrir até depois de ter chegado em casa~ ^^" É incrível como às vezes acontece de um esbarrão influenciar tanto em todo o meu humor de forma tão rápida e direta! Nunca vou entender essas mudanças por coisas pequenas que eu tenho. Pequenas como uma simples conversa um tanto quanto divertida. =]

E todo o caminho de volta foi cercado por uma magia musical aleatória que só deixou meu coração mais e mais leve e meu sorriso maior! Peraí, deixe-me explicar:

Coloquei os fones do meu cel e selecionei Beatles no >>ALEATÓRIO<< para tocar... Começou com Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band, e essa é uma música que emenda com outra no final, então sempre que ouço no aleatório fico bolado porque não dá a continuidade... Exceto uma vez que tocou a música seguinte do álbum homônimo no aleatório e eu achei muito mágico, mas quais as chances de isso se repetir?

Pois então, repetiu! E veio em seguida With a Little Help From My Friends!

Então, para meu espanto e surpresa, veio a terceira música do álbum, como que em ordem: Lucy in the Sky with Diamonds! Mas o mais mágico dessa vez foi que, no meio da música, durante todo aquele LSD sonoro... Passei na frente de uma casa daonde era possível ouvir uma criança brincando com um xilofone! Vocês tem noção do quanto isso foi surreal???

Daí veio a quarta música, Getting Better. É a seguinte do álbum também, e embora traduzisse perfeitamente como eu me sentisse na hora, comecei a duvidar de que eu tinha posto mesmo no aleatório. Pô, aí já era demais! Não podia ser, meu celular devia ter pirado (o quê não seria nenhuma surpresa), e toda essa ordem mágica de músicas devia ser só uma ordem normal.

Mas em seguida começou Hey Jude, provando que a seleção de mais de 80 músicas dos Beatles estava mesmo no aleatório, e fechando toda a magia com chave de ouro enquanto eu chegava em casa! Subi as escadas do meu condomínio sob sol quente, vento forte e cantarolando "Naaa, naa, na na na na! Na na na na! Na na na naaaa!"

E é isso! Me sinto... Bem.


Obrigado por compartilharem o meu primeiro ótimo dia em muito tempo com vocês! :3

3 comentários:

Lu disse...

te disse que eu leria o post e comentá-lo-ia mais tarde; cá estou
haha que tri cadoisete, gosto de te ver assim *-*
é engraçado, né? sabe que esses dias eu meio que me senti parecido...
entrei numa loja e fui atendida por um guri tão legal. não estou criando expectativas quanto a ele e sei que é melhor assim; mas serviu pra ter o insight: depois de tanto tempo procurando e procurando e jamais achando [aquele alguém...], não é preciso procurar, surge quando for pra surgir
não sei... não foi nada de mais, mas saí sorrindo também hehe

realmente espero que esse seja apenas o comecinho de um longo período de melhora pra ti cadois :)

Bruno Antonelli disse...

So true! Só conhecer alguém, mesmo que não seja nada demais, e sair sorrindo, já é uma ótima experiência por si só. :)

Marcelo »Qejinho disse...

CFC = Centro de Fodeção de Cus

postcode: laertxku