"And now for something completely different..."

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Rocket Chairs

Olá queridíssimos leitores dessa bagaça! =D
Antes de tudo devo dizer que fiquei feliz em ver que o ultimo post foi efetivo, consegui 9 comentários de leitores diferentes, sendo que o máximo de comentários que já tive antes foram 5! \o/
Enfim, como podem ver a imagem do blog foi trocada, e aqui estou eu para falar o por quê.

Angel Beats!


Lá estava eu, vendo se o meu site favorito para baixar qualquer anime já havia lançado novos episódios de K-On Season 2, quando me deparo com o título "Angel Beats", que me chamou a atenção. Ao baixar o primeiro episódio, tudo que eu posso dizer é que já havia me tornado fã nos primeiros 40 segundos! (it's a new record!)

A estória é bem confusa e estranha, começa quando o protagonista, Otonashi, acorda sem nenhuma memória no que ele descobre ser o Mundo Após-a-Morte. Esse mundo aparenta ser uma escola-internato gigante, aonde se você segue a vida de um aluno normal, você desaparece e deixa de existir. Ou seja, enquanto você desobedecer as regras, você continua a existir, porque como esse já é o mundo pós-vida, é impossível você morrer nele.

As outras personagens principais são Kanade, uma suposta "anja" cujo dever é fazer as pessoas seguirem as regras e desaparecerem; e Yurippe, líder da Frente de Batalha dos Que Nem a Pau Estão Mortos (o nome é trocado várias vezes durante o 1º episódio, eles começaram como Frente de Batalha da Vida Após-a-Morte, mas acharam que esse nome seria o mesmo que adimitir que estão mortos, então trocaram para Frente de Batalha dos Que Nem a Pau Estão Mortos, passando por Frente de Batalha dos Que Querem Desaparecer, que foi considerado suicída, então trocaram para Frente de Batalha das Cracas em Extinção, imediatamente rejeitado), grupo de rebeldes que não querem desaparecer, e para isso eles quebram toda e qualquer regra e lógica, sem nunca frequentarem as aulas e até usando armas de fogo e foguetes contra a "anja" que os quer impedir de serem anormais.



Se você gostou do estilo misterioso e nonsensemente engraçado de Suzumiya Haruhi no Yuuutsu (outro anime que recomendo pra caramba para quem ainda não viu), com certeza vai gostar de Angel Beats. O tema passa de vida-escolar e comédia estoura-baço para cenas com estórias extremamente tristes (já que todos ali são jovens mortos) e lutas com muita ação.



"TK" logo se tornou meu personagem favorito, ninguém sabe seu verdadeiro nome ou porquê ele foi parar ali, e ele está sempre no fundo da cena dançando e falando frases em inglês com voz de narrador de DDR.

TK: COME ON, LET'S DANCE!
Otonashi: Eu não danço...
Yurippe: Essa é a forma dele dizer "oi", nós o chamamos de TK.

Agora ele é meu novo projeto de cosplay. xD


...
E o quê o título "Rocket Chairs" tem a ver com tudo isso?
Bem, não quero dar spoilers e estragar a cena que me fez rolar no chão que nem uma cadela que está tossindo o estômago pra fora, mas posso dizer que depois do 5º episódio de Angel Beats, eu nunca mais vi uma sala de aula da mesma maneira~ xD



Resumindo, recomendo altamente para todos os otakus e simpatizantes que lêem esse blog, diversão garantida! :D
Você pode baixar aqui.
E vai precisar desse pacote de codecs para assistir no media player.

Bjundas a todos, e como diria TK para falar "até a próxima"...
I'LL BE BACK! *pula de costas pela janela*

sábado, 22 de maio de 2010

Atenção Leitores!!! (Leiam ou Morram)

Brinks, ninguém morre não.
Quer dizer, eventualmente todos vão morrer (SPOILER!) mas não por causa desse post~

Só verificando... QUEM LÊ MESMO ESSE BLOG!

Vejo que tenho uns 16 seguidores, mas o mais comum são uns 2 ou 3 que comentam de vez em quando e o Qjn que comenta sempre... Bem, só pra variar gostaria que TODA SANTA ALMA que passar e ler esse post deixe um comentário... Não estou dizendo que quero que todos comentem sempre, é só uma experiência para esse único post, então pq não comentar?
Ah sim, tem que ser um comentário dizendo alguma frase envolvendo marmotas, só pra ficar mais interessante.

Nem é difícil montar uma frase envolvendo esse bixinhu lindju by God. *-*

That's it, vamos ver se isso dá resultados~ xD

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Sonho da Banda

Esse foi um sonho muito estranho que eu tive semana passada... Se bem que eu acho que bato quaisquer recordes quando se trata de sonhos super-detalhados e estranhamente-vivídos... Deve ter algo a ver com a minha Teoria Multidimensional, mas anyway...

Nesse sonho teve 3 pessoas que eu acho que vi mas não vi, 3 vezes no total... Esquisito.

E também tem 3 dados que ocorreram de fato no dia anterior ao sonho e que influenciaram nele:
1. Fui ver Alice no País das Maravilhas do Tim Burton.
2. Assisti o vídeo do show dos Beatles no terraço da Gravadora Apple, aonde o John Lennon usa uma guitarra acústica amarelada bem pálida e maneira.
3. Baixei as últimas 20 músicas que desconhecia do Led Zeppelin, entre elas "Tea for One" e "Hots On for Nowhere".

No sonho, meu amigo Luiz, que tá numa banda já faz uns anos aí (e toca muito, só pra constar), havia brigado com a banda dele e eles se separaram, então ele veio me procurar, porquê nesse sonho, eu tocava muito também... (foi aí que o sonho começou a fugir da realidade~ xD)
Então ele veio na minha casa. Que era um museu. Desses MUITO SURREAIS, tipo, todo branco, com vários quadros abstratos multi-coloridos em paredes que não pareciam existir porquê as paredes, tetos e chão eram brancos, com escadas de ponta cabeça e portas no teto.
Ele veio com a idéia de nós dois montarmos uma banda, legal, eu topei de primeira! =D

Tínhamos muitos amigos em mente que queríamos chamar pra banda (parece que no sonho todos meus amigos tocavam alguma coisa), então a gente queria fazer uma seleção pra saber quem era "digno" de entrar na nossa banda. O quê fizemos como teste? Chamamos TODO MUNDO QUE A GENTE PODIA SE LEMBRAR para um...
Chá das 5.

O plano era analisarmos como as pessoas lidavam com suas xícaras e torradas (?), para saber quem era mais britânico pra entrar na nossa banda. (???)
Nessa parte eu não lembro muita coisa, mas tinha uma mesa looooooooooonga e *MUITA* gente, mas eu não reconhecia quase ninguém, só olhava de relance e pensava que reconhecia ou então olhava com o canto de olho e quando via era outra pessoa que eu também só vi de relance... Não reconheci muita gente nesse sonho, mas sabia que tavam lá. (isso faz sentido pra vocês?)

Então teve uma GUERRA DE COMIDA!
Xícaras e torradas e coelhos pra todo lado!
Nessa hora eu tentei procurar três pessoas que eu queria avaliar pra banda: O Qejinho, minha prima, e a minha amiga Biela. Nesse momento foi a primeira vez que eu acho que vi mas não vi os três, foi meio de relance também, ou não.

Então teve um daqueles lances esquisitos de sonhos que cortam de uma cena pra outra, e na outra cena a banda já tava pronta e eu tava nos bastidores no meu camarim (bagunçado, lógico) esperando pra entrar no palco. Eu tava sentado numa daquelas mesas de diretor com um papel de tablatura num tripé de aço na minha frente, lá tava escrito o nome da banda, que era Tea For One (Chá Pra Um), e a primeira música começava com um solo muito impossível, mas que eu sabia tocar, que se chamava "Hots On".

Terminei de me preparar, peguei minha guitarra acústica amarelada e pálida (igual aquela do Lennon), sai do meu camarim e fui em direção ao palco, passando por 3 outros camarins da banda, e foi nessa hora que eu vi mas não vi os 3 pela 2º vez, eu olhava pra frente e me preparava para encarar o público, então não olhei de fato para os camarins, mas acho que era ou não era os nomes do Qjn, da Bia e da Biela que estavam neles, mas não tenho certeza.

Subi as escadas, que deram num palco que na verdade era uma grande varanda de um prédio cinza e velho e caindo aos pedaços que ficava no meio de um terreno enorme no meio do nada, tirando o público de milhares de pessoas cercando esse prédio, que tinha telões nas outras 3 paredes para todo mundo ver como se nós estivéssemos dos 4 lados ao mesmo tempo.
Milhares...
Milhares de pessoas...
TODAS de verde ou vermelho.
E a platéia se mechia como algas numa maré, uma hora os verdes levantavam e se mechiam enquanto os vermelhos se abaixavam, e depois o contrário, pro outro lado... Algo bem peculiar devo dizer.

E tinha muita gente no palco também, tava uma zona...
Tinha a banda, que devia ter umas 5 ou 6 pessoas, um coro com umas 20 ou 30 pessoas, uma orquestra (?), sem falar de diversos assistentes de palco, correndo prá lá e pra cá ajeitando as coisas. Daí eu pensei:
"Pô. Que zona." D:
Dei uma rodada básica olhando em volta só pra me situar, e foi aí que vi mas não vi os 3 pela 3º vez. Não prestei muita atenção nos membros da banda, sabia que tinha eu e o Luiz como guitarristas, os outros eu vi mas não vi mas afinal suponho que sejam o Qjn, a minha prima e a Biela mesmo, ou não, e mais 1 ou 2 randoms~

O intúito da rodada era olhar em volta rapidamente para ver se tava tudo no lugar (o quê definitivamente não estava), mas então a gente começou a tocar anyway, e foi aí que o sonho cortou denovo, ou eu acordei.

3...3...3... Acho que vários "eus" em outras dimensões cantaram pela metade "The Number of the Beast"~

(quem se interessar, eu fiz um desenho sobre esse sonho, e o Qejinho coloriu, acho que resume bastante coisa... xD)

Teoria Multidimensional

O nome completo seria Teoria da Realidade com Relação Multidimensional, e é uma das muitas teorias que ando criando recentemente... Mas a mais constantemente comprovada...

MAS VAMOS ABUSAR DO CAPS LOCK PORQUÊ É HORA DA QUINTA TEORIA CADOISLÓGICA DO BLOG!! ~~Õ~~ (ignorando 31 hipóteses sobre alguma fruta tropical e nada prática de se carregar aleatória aí)

Para quem não sabe, foram as Teorias Cadoislógicas que me fizeram começar esse blog... Se você nunca as leu, facilito aqui para fins... Bem, facilito aqui:
Contradição
Conspiração e 1 e -1
Família Chinesa
Passarinho Morto Voando

Vamos ao que interessa... *caham*
[Modo Dr.Antonelli=ON]
A Teoria da Realidade com Relação Multidimensional se baseia no princípio das diversas coisas aleatórias, triviais ou frívolas que tem acontecimento em nosso dia-a-dia... Quer dizer, uma vez se aceitando como comprovada e real tal teoria, apenas haveria a suposição de que essas coisas seriam fúteis, passando a serem consideradas pseudo-levianas, pois uma vez com base na Realidade com Relação Multidimensional, NADA ACONTECE POR ACASO OK.

Imaginem que o Big Bang ocorreu para todos os lados, ou seja, também se abriu toda uma gama de dimensões, infinitas e intrínsecas entre si, mas ainda assim sem nenhuma relação visual. Simplificando pra linguagem popular **dogueto**, "aí, brow, tá ligado, o baguiu fez BUM e pronto, temos infinitas dimensões, uma completamente diferente da outra, morô? Mas é o siguintolis, toda dimensão tem sua versão de você, beleza? Sussa então é nóis, na paiz."

O quê o nem-tão-instruído-e-que-não-possui-PhD.-como-eu Mano Brunow quis dizer no final, é que cada uma das infinitas dimensões tem um reflexo da sua existência, uma outra versão de você, de cada um de nós... Numa delas você pode ser bem parecido com você mesmo, mas ser do sexo oposto, na outra você pode ser uma criatura quadrúpede com milímetros de comprimento e um chapéuzinho de aniversário com formato fálico na cabeça. As possibilidades são infinitas.

Claro que o quê um "você" faz não implica/não ressoa em outro "você"... Mas infinito é uma letra bem grande, e às vezes, por uma mera coincidência que acontece com muita frequência, um número inimaginavelmente grande de "vocês" podem estar fazendo ou sentindo a mesma coisa no mesmo momento, o quê implicaria numa certa ressonância que por fim te leva a alguma sensação banal ou pensamento aleatório.

Vamos aos exemplos~

1. Vários de você no universo multidimensional estão dormindo nesse momento. Mesmo você tendo dormido bem a noite toda, você está sentindo sono denovo, como reflexo desse acúmulo dimensional.

2. Vários de você estão numa caçada sanguinolenta envolvendo machados e paus-com-prego. Repentinamente você sente uma vontade de decapitar algum herege.

3. Vários de você morreram ou foram desmembrados nesse momento. De repente você se sente exausto e acabado, ou seu braço dá cãibra.

4. Acordeu se sentindo o fodão? Aqui você não é nada, mas há vários de você sendo nomeados Reis, Heróis, Miss Beleza Interior ou Genocída Mais Procurado em várias dimensões.

5. De repente está com fome? Vários de você estão comendo algo suculento (para eles, pelo menos)e/ou agonizando de fome nesse segundo...

NADA ACONTECE POR ACASO, REFLITÄO!!!

O quê você faz também pode implicar na vida pacata de outros "você" em outras dimensões, claro, com uma forcinha de mais alguns zibilhões de "você" fazendo a mesma coisa.

Você acha que tá fazendo bem em comer menos pra emagrecer? Sinto lhe informar que tudo que você está fazendo é se deixando com fome e então engordando em outra dimensão. SEU GORDOEMOUTRADIMENSÃO!
[Modo Dr.Antonelli=OFF]

(Essa teoria provavelmente será mencionada em muitos de futuros posts como fato comum~)

Harmonication

Harmonication, tion!
Harmonication, tion, tion!

*apanha lytros*



Vídeo antigasso resultante de uma dormida trio-geninzástica na casa do Capelol, demorou quase um ano pra ser editado e postado... Mas também, só agora comecei a usar pra valer o MooVeeMak'er~


video

Yep... Good old times, must I say...

Daí vocês me perguntam...
"K-2, seu malcomido, cadê aquele post sobre ZUMBIS?"
Vou ter que responder...
"MANOLO, eu disse que era uma prévia pro post... Quando ele ia sair eu não me comprometi não (eu sei que não cumpro com esses compromissos blogais), então quando sair saiu e pronto, mas quando sair acho que vai ser duas ou três vezes maior que o bem-sucedido POST DOS COCOS, então não tem do quê reclamar!"

Aliás, só queria deixar pra constar aqui... K-2 does not know how to count.

1...
2...
AIMELDEUS AQUELE PÁSSARO FAZ BARULHO DE AVIÃO MANOLO!!!
*risos*

sexta-feira, 14 de maio de 2010

What is Love?

Só vai entender quem já viu esse vídeo:
http://www.youtube.com/watch?v=SpwK3vFGJp0

Só pra constar que o Youtube é uma ferramente perigosa que influencia jovens dementes por todo o país...

video

(Eu sei, ando postando muito, muito pouco... xP)